Como a alimentação interfere na fertilidade masculina?

Quando falamos sobre preparação para a gravidez, geralmente damos mais importância para os aspectos relacionados à saúde da mulher. Entretanto, a saúde do homem também merece atenção nesse momento, já que influencia diretamente a fertilidade masculina.





Um padrão alimentar variado e balanceado, à base de vegetais, frutas, peixes e oleaginosas, produtos integrais, aves e outros alimentos de origem animal, está associado a melhor qualidade e maior quantidade de espermatozoide. Não há nenhum alimento específico que isoladamente torna o homem mais fértil. Mas o que se consome habitualmente ao longo do dia é capaz de melhorar a saúde reprodutiva do indivíduo.


O alto consumo de carnes processadas e o baixo consumo de frutas, vegetais e de nutrientes antioxidantes e ômega-3 favorece o acúmulo de radicais livres, que está associado à baixa qualidade dos espermatozoides, o que também contribui para a infertilidade nos homens.

O excesso de peso promove uma desregulação metabólica e hormonal e prejudica a espermatogênese. Nesse sentido, há prejuízos significativos na morfologia, na motilidade e na concentração dos espermatozoides, favorecendo assim a infertilidade.


Caso queira entender um pouco mais sobre o assunto, sugiro que leia esses estudos:

LADAN, Giahi.; et. al. Modificações nutricionais na infertilidade masculina: uma revisão sistemática cobrindo 2 décadas, Nutrition Reviews, Volume 74, Issue 2, fevereiro de 2016, Pages 118-130.


SKORACKA, K.; et al. Dieta e fatores nutricionais em fatores subestimados da (In) fertilidade masculina. J Clin Med. 9 de maio de 2020; 9 (5): 1400.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo